Monday, 18 August 2008

comentário do Édipo Rei

Mais um comentário!

Eu achei que essa peça mostra bem essa coisa da tragédia que os deuses "ganhavam" no fim, é uma história bem trágica mesmo. Nos mostra que nosso destino está aí do jeito que ele está!
Não tem como fugir, porque já está no nosso destino que fugiríamos dele, e esse é o nosso destino!!
Ela mostra também o perfil da época, de como eram os costumes (bem de leve, mas mostra), como eles levavam a sério os deuses, a lealdade.
É bem legal tentar imaginar as máscaras, os "koturnos", devia ser beeem difícil!

É...

3 comments:

Barbara said...

Só por curiosidade, andei vendo que só eu mesmo é que estou com problema pra pstar né?
Ana...NADA faz aquele link de Nova Postagem abrir aqui e eu não tenho a menor idéia do qual é o problema. Saco.!
Isso significa que...todos os textos que eu escrevi no pc, não vou conseguir postar e vou ter de coloca-los no caderno o que me deixa extremamente aflita por estar completamente atrasada no caderno, devido a isso.
Pronto, desabafei!
heuheuehehueueu

Giulliano said...
This comment has been removed by the author.
ATREVINVENTOS said...

Clara: 1) que costumes "bem de leve" aparecem na peça?
2) é possível fazer um comentário mais profundo, se pensarmos na relação entre personagens e no transcorrer da peça... Por exemplo: qual é o momento de climax na peça?

Bárbara: 'tadinha de você! Eu sugiro que você traga na quarta ou na quinta os textos num pendrive ou num cd, ou que os envie por e-mail para mim (ventuana@gmail.com) para que possamos nos sentar ao computador e resolver de uma vez por todas essa história. Não fique estressada que não vale a pena: o que está feito, feito está!
Beijos e até amanhã!