Wednesday, 3 September 2008

a mandrágora! comentário!

A Mandrágora
Conta a história do jovem florentino Calímaco, que por conta de uma aposta, conhece e passa a desejar de forma incontrolavel uma mulher casada que não consegue ter filhos com seu marido. Para conquistá-la, para conquistala conta cm a ajuda de um jovem embusteiro, de um frei corrúpto e da mãe da recatada esposa, ele finge ser médico e receita um tratamento a base de mandrágora, uma planta afrodisíaca.

é uma peça meio doida...onde da pra ver um lado maquiavélico meio forte(não mporta os meios e sim os finais). Os dialogos sao bem típicos da época,´é uma peça bem engraçada msi um pouco viajada, onde um homem "move mares e montanhas" so para ter uma mulher que ele nunca conheceu!


hehehhe masi é uma peça legal... eu gostaria de assisti-la!

2 comments:

ATREVINVENTOS said...

Oi, Pedro! O que significa exatamente que "os diálogos são bem típicos da época"?
Valeu a postagem (ufa! até que enfim!). Sobraram erros de digitação que poderiam ser evitados com uma revisão atenta antes de publicar. Beijos procê!

pedro said...

uhauhAuauAH
ahh ana eu nao sei explicar e eu tbm nao lembro direito... eu tava vendo as coisas q eu escrevi qdo nos estavamos lendo a peça e tinha isso la!
uiahuahuah
ahh a escrita esta mudando!
eu ainda nao corretamente no teclado!
uahauauh
bjaooo